Argentina: Ataque a concessionária em Buenos Aires

tsitTentam-nos obrigar a uma existência submissa e cobarde em nome do progresso tecnológico, do controlo social e de uma maior inclusão no que se refere à pertença ao sistema. Mas nós não queremos nenhum progresso, atacamos o seu controlo e recusamos de maneira consciente a sua inclusão!

Escolhemos viver a vida por um fio, a do abismo e não pelos caminhos da turba mansa – a que se arrasta, mendigando ao Poder as próprias cadeias que os amarram.

As nossas motivações serão sempre, em primeira instância, a dignidade, a coerência entre o que dizemos e fazemos, esse gozo de nos comprovarmos coerentes com o que acreditamos. Também nos motiva a sede de vingança, uma vingança que sentimos que temos que cobrar desde crianças, quando nos encerraram nos seus centros de domesticação e a seguir, ao longo de toda a vida, encerradxs em fábricas, prisões, manicómios…bibliotecas “anarquistas”…

Desprezamos toda essa merda! Há outros caminhos, longe dessa porcaria monótona e anuladora do indivíduo!

Foi no decorrer deste percurso, principalmente solitário mas constante, que a 4 de Setembro passado colocámos um dispositivo incendiário numa concessionária de motos e quadriciclos – a situada na Avenida Entre Ríos, esquina com a Rondeau – embora lamentavelmente não tenha funcionado como esperávamos. Mas continuaremos, continuaremos sempre!

A nossa intenção é clara: fomentar e propagar o ataque a todos os símbolos (físicos e idealizados) que representam esse enredado difuso que constitui o inimigo.

Objetivos a atacar…abundam…depende da nossa vontade, da nossa decisão.

A gerar todo o caos possível frente à merda eleitoral que se avizinha e à competência dxs candidatxs para ver quem saca mais polícias nas ruas e quem vá gerir melhor a miséria.

Força a Sol Vergara, valente companheira encerrada nas prisões chilenas. Força a todxs xs demais companheirxs anarquistas, antiautoritárixs, nihilistas e subversivxs encerradxs pelo Estado no Chile, México, Grécia, Itália, Espanha…

Com xs nossxs mortxs na memória…

VIVA A INTERNACIONAL NEGRA!

Célula Nihilista do Ocaso de Fogo

em espanhol | grego