Juntos

Juntos, juntos, juntos
você verá
sózinho, sózinho, sózinho
você nunca será livre.
Juntemo-nos para lutar juntos
comecemos a fazer melhor as coisas
Juntos somos mais fortes
Governantes nunca mais.

Contra a liderança e escravidão
devem ressoar as batidas agonísticas
voando de Berlim até Atenas
nas praças e nas ruas.
Corvos de preto coaxando brilhantemente
dos telhados em todo o mundo
possa essa melodia se espalhar amplamente
até que as nossas lutas sejam ouvidas.

Juntos, juntos, juntos
você verá
sózinho, sózinho, sózinho
você nunca será livre.
Juntemo-nos para lutar juntos
comecemos a fazer melhor as coisas
Juntos somos mais fortes
Governantes nunca mais.

E algumas gralhas perdida a direção
extraviaram-se em feroz tempestade
mas continuaram a sua melodia
até que os ventos as devolveram a casa.
Viram xs seus/as companheirxs presxs em gaiolas
casas senhoriais num monte de escombros
esse mundo podre em pedaços
para que tal inferno possa desaparecer.

Juntos, juntos, juntos
você verá
sózinho, sózinho, sózinho
você nunca será livre.
Juntemo-nos para lutar juntos
comecemos a fazer melhor as coisas
Juntos somos mais fortes
Governantes nunca mais.