Contato

Para contribuir com traduções, edições-correções e/ou materiais originais para publicação tais como atualizações a partir das ruas, reportagens de ações, comunicados de reivindicação, textos dxs companheirxs presxs ou perseguidxs, chamadas, brochuras, artigos de opinião, etc.: contrainfo(at)espiv.net

Istambul, Turquia: “A voz das vossas ruas”

OOAComunicado divulgado no dia 22 março de 2014, durante a tentativa de abrir uma nova okupa no bairro de Beşiktaş, em Istambul:

Em 1903 nasci de pedra e madeira. Sou um produto da mente e do esforço humanos.

Já passei por muitas coisas.

Esforços de operários, os seus filhos na lufa e as risadas de crianças, as leituras dxs professorxs… Depois da vossa deserção, as minhas paredes ficaram húmidas e os meus telhados a gotejar…

Períodos houve em vocês me abandonaram e romperam os laços que alguma vez tínham formado comigo. Com o tempo, também quebraram os ligações entre todxs nós. A cada dia que passa, uma nova barreira surge entre nós. Têm-nos rodeado de cercas.

Mantêm-nos presos. Porquê?

Porque vocês separaram-se uns dxs outrxs. Caíram na dúvida e no medo. Alguns e algumas de vocês têm-se alimentado de tudo isto, fazendo jogos à nossa custa. Eram pessoas egoístas e estavam infectadas com a doença de querer sempre mais.

Durante os 40 anos que vocês estiveram ausentes assisti ao crescimento das plantas no jardim e às vidas dos ratos, aranhas, lagartixas, pássaros e gatos.

Recentemente, tenho notado que começaram-se a formar, de novo, vínculos entre vós. Superaram os vossxs medos, estando certxs em relação às vossas dúvidas.

Ouvi o predio Taşkışla contar a história do que aconteceu, ali na sepultura do falecido Quartel de Artilharia, no Parque Gezi.

Vocês têm sido muito ruidosxs. As vossas vozes ressoaram nos meus quartos, aqueles a que podem chamar vazios. A voz das vossas ruas. Eu consegui ouvi-la.

Estou ciente de que precisam de nós para desenvolver os laços que têm vindo a forjar entre vós. Nós também precisamos de vós para continuar em pé.

Agora, o vosso passado e o nosso conetaram-nos de novo.

É a hora, tanto para vós como para nós, de acordar.

Estou feliz de os ter incitado a isso. Bemvindxs.

ÖOA (Espaço Comum e Livre)

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>