Grécia: Atualização do caso do companheiro preso Vaggelis Koutsibelas

hopalakia

Vaggelis Koutsibelas foi condenado a 15 anos de prisão em primeira instância, acusado de uma sequência de ataques incendiários na cidade de Trikala. A acusação pesada contra ele foi baseada em grande parte em declarações de um informador da polícia.

No dia 17 de Junho de 2014, o caso do companheiro foi julgado em segunda instância, no Tribunal de Apelações de Larissa. Havia uma presença viva de pessoas em solidariedade na audiência, incluindo membros da SVEOD, União de base de trabalhadores motociclistas de Atenas (Vaggelis trabalhou como motorista de entrega motociclista, durante muitos anos).

O tribunal de apelação reduziu a sua sentença de prisão para 8 anos e 3 meses.

Vaggelis está na prisão de Trikala desde Abril de 2012, tendo completado 250 dias de trabalho prisional até agora. Companheirxs de Trikala estimam que, se tudo correr bem, ele possa ser posto em liberdade condicional no próximo ano, ou se ele for transferido para prisões rurais, seja capaz de sair da prisão mais cedo, no final deste ano.