Contato

Para contribuir com traduções, edições-correções e/ou materiais originais para publicação tais como atualizações a partir das ruas, reportagens de ações, comunicados de reivindicação, textos dxs companheirxs presxs ou perseguidxs, chamadas, brochuras, artigos de opinião, etc.: contrainfo(at)espiv.net

Santiago, Chile: Reivindicação de dispositivo explosivo num autocarro da transantiago

POR UM DEZEMBRO NEGRO PROCURA QUE VIVA  A ANARQUIA!

Não acreditamos nem nas ideias das democracias nem nas suas falácias. Não ratificamos os seus métodos de controlo social e repudiamos ainda a implementação de leis e as medidas cautelares que procuram manter os/as nossos/as irmãos/ãs atrás dos malditos muros das prisões. Tomamos posição para confrontar directamente toda a exploração. Saudamos com um uivo de liberdade – no mesmo mês em que o Angry se entregou ao abraço da sua convicção – os seus e suas companheiros/as e familiares; do mesmo modo saudamos os/as muitos/as irmãos e irmãs dos seres anónimos que ainda não desistem e que, pese o facto de estarem encerrados/as, continuam a oferecer resistência à sua condição de vida PORQUE NÃO SE ESQUECE NADA NEM NINGUÉM. Recuperaremos a liberdade e resistiremos até que o último suspiro inunde os nossos corações.

Limando as nossas arestas, com vista a um ataque mais certeiro, tomamos posição contra toda a autoridade – a cada dia e em qualquer lugar do mundo, procurando propagar, a cada recanto,a ideia de libertação total. E para que os nossos ataques, por mais diferentes que sejam, sigam o planeamento e cuidados necessários, não demos o gosto a esses malditos que querem as nossas vidas sossegadas. São milhões desse maldito dinheiro, milhões gastos pelos bastardos que tentam possuir as nossas vidas e ideias mas que de nada servirá.  Por mais lágrimas que derramemos, estas serão sempre transformadas no combustível que detona o nosso bombeante avanço e todo o sangue dos/as nossos/as irmãos/ãs assassinados/as será vingado, contra o progresso tecno -industrial e toda a máquina que devaste a terra e a vida de todos os animais que nela habitam.

O MUNDO NÃO TEM FRONTEIRA PARA OS/AS QUE AMAMOS E ESTAMOS CONTRA TUDO O QUE PROCURE A NOSSA SUBMISSÃO

Reivindicamos a colocação de um dispositivo explosivo no autocarro da transantiago (107) às 4:30 da manhã de segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017. Esta ação foi planeada – a lembrarmos-nos, com amor e raiva, dos/as irmãos/ãs que estão sequestrados/as, torturados/as e assassinados/as neste espaço chamado terra.

O nosso arrojo vai com todo o desprezo pelos malditos escravos do Estado. Com um sorriso e mais vontade de desafiar os nossos avanços; assumimos que infelizmente a bomba não detonou, já que algum/a cidadão/ã  notou a mochila que o continha e deu aviso ao motorista que, por sua vez, deu aviso
à polícia bastarda – com isso provocando o show mediático que já sabemos. Esclarecemos que pensámos nesse horário, uma vez que não muitos cidadãos se movem nesse símbolo de progresso; pelo mesmo motivo, vemos esse ato como outra experiência para a nossa vida em busca de liberdade.
A ideia de que fora esse autocarro e nessa direção, lembrando TAMARA SOL e a sua ação de amor e vingança!

Sebastian Oversluij e Alexandros Grigoropoulos presentes!
SOL EM LIBERDADE!
Até ao derrube da polícia sicária do estado!
Enquanto Exista Miséria Haverá Rebelião!

Uivamos em cumplicidade com os/as companheiros/as represaliados/as durante a chamada operação “EREBO”, no Brasil.
A Alfredo Cospito e liberdade para todos/as presos/as!

em espanhol

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>