Solidariedade! De Portugal à Grécia a mesma luta!

A 28 e a 29 de Junho terá lugar na Grécia uma nova greve geral (48 horas nas ruas) prevendo-se a maior mobilização de sempre nas ruas gregas para impedir a aprovação no Parlamento grego das medidas brutais que pretendem diminuir ainda mais salários, aumentar os impostos para valores impensáveis e privatizar em bloco todas as  empresas públicas.

Neste momento a Grécia constitue a primeira frente de luta na Europa, relacionada com o ataque dos planos de austeridade capitalista, com a repressão policial, com os ataques fascistas e para-estatais. Por outro lado as respostas populares, iniciativas auto-geridas na maioria dos casos, estão a aumentar a um ritmo crescente.

O povo grego em insurreição permanente há um mês recordam-nos que as lutas podem ser difíceis e perigosas mas que a sua coragem, a sua raiva e amarga determinação,  fazendo-os lutar mais do que nunca a cada novo dia, terá um efeito significativo na luta anti-capitalista global. Opondo-se desta forma frontal, recordam-nos a que ponto é necessário que nos solidarizemos com os nossos irmãos e irmãs de luta. Esta batalha diz-nos respeito a todos e todas.

O povo grego não pode estar só no seu intento! O apelo da Assembléia da Praça Syntagma dirigido a toda a Grécia e o de anarquistas gregos a uma solidariedade internacional contra o fascismo e o racismo assassinos desafiam-nos!

Solidariedade! De Portugal à Grécia a mesma luta!
Η αλληλεγγύη, το όπλο των λαών !
Solidarity with the people’s struggle!

Sem comentários “Solidariedade! De Portugal à Grécia a mesma luta!”