Chile: Em resposta à chamada internacional pelxs presxs anarquistas de todo o mundo

corte2

corte1

corte3
Semana Internacional de Solidariedade com xs companheirxs presxs. Saímos sem medo e decididxs a nos divertirmos, quebrando o dogma da tranquilidade e legalidade. Na mente a rebeldia do jovem José Huenante*, assassinado em democracia. Bófia, carcereiros, guardas e toda a autoridade, arderão com a nossa calorosa alegria. Propaga a revolta.

Na noite definida
ao crepúsculo da rotina
infinitas partículas conspiram na sombra dissocial.
Nos espectros do nada
os desejos são gemidos
a raiva é uivada
os esquecidxs são gritadxs
os ecos perdidos estão rugindo.

No desdém de uma cidadela do poder
máquinas frenéticas, enxame de escravxs,
pós de maquilhagem e dispositivos de controle.
Xs esquizofrénicxs rebeldes, bárbaro!
Negaremos a existência quotidiana: Prisões,
escolas, famílias, manicómios, asilos, psiquiatras
e toda a anulação individual.

Abrimos as asas para sair de fendas e cavernas
bifurcar o fogo em cada beco,
perímetros de segurança e local de domínio.

E que saibam que nos transbordamos em todas as direções,
a todos os pontos.
Somos infinitas partículas buscando a explosão.

Uma pequena contribuição da terra chamada Chile, região do maule Talca.

Grupo Afím cães, gatxs e rãs

A ação decorreu no dia 27, um corte numa das artérias da cidade, às oito da noite.

* Um Mapuche de 16 anos de idade que “desapareceu” enquanto estava sob custódia policial em Puerto Montt, sul do Chile.