Contato

Para contribuir com traduções, edições-correções e/ou materiais originais para publicação tais como atualizações a partir das ruas, reportagens de ações, comunicados de reivindicação, textos dxs companheirxs presxs ou perseguidxs, chamadas, brochuras, artigos de opinião, etc.: contrainfo(at)espiv.net

Polícia grega usa armas produzidas no Brasil contra manifestantes

por Agência de Notícias Anarquistas, A.N.A

Milhares de pessoas aderiram de 23 de Fevereiro à primeira greve geral do ano na Grécia contra as medidas de austeridade do governo. Lojistas fecharam as portas e os serviços públicos pararam em toda a Grécia. Os hospitais foram 24 horas funcionando apenas em esquema de emergência. As escolas fecharam, e os transportes foram afetados. Vôos emergenciais foram autorizados apenas entre 10h e 14h (horário local), e os navios passarão todo o dia atracados nos portos. Jornalistas aderiram ao protesto, levando a TV estatal a transmitir documentários, e as rádios a tocarem músicas.

Na manifestação em Atenas (fotos e vídeos) participam milhares de pessoas, com diversos cortejos. Enfrentamentos entre manifestantes e policiais antidistúrbios explodiram nas ruas da capital do país. Os policiais, posicionados diante o ministério das Finanças, na praça central de Syntagma, lançaram gases lacrimogêneos e bombas de efeito moral contra os ativistas para fazê-los retroceder. Os protestantes, por sua parte, jogaram todos os tipos de objetos, principalmente coquetéis molotov contra as forças policiais. Junto ao parlamento houve também registro de confrontos entre a polícia e os manifestantes.

As armas (granadas lacrimogêneas, sprays de pimenta, munições de impacto ou granadas de efeito moral) que a polícia grega usou ontem (23 de fevereiro) para reprimir os manifestantes gregos durante a Greve Geral foram feitas no Brasil (veja foto). Suas armas também são usadas pelas “forças de paz” no Haiti. A empresa brasileira é do Rio de Janeiro e se chama “Condor”, e tem como slogan “Condor em defesa da vida” (sic). Abaixo segue o texto de apresentação da “Condor” retirado do seu site oficial (www.condornaoletal.com.br). Vale à pena perder alguns minutinhos navegando neste site e perceber o modus operandi desta empresa e de seus clientes.

CONDOR, SOLUÇÕES NÃO-LETAIS PARA O SÉCULO XXI

A Condor Tecnologias Não-Letais é líder e pioneira, na América Latina, na fabricação de Equipamentos Não-Letais e Pirotécnicos de alta tecnologia para situações de distúrbios, sinalização militar e salvatagem, ocupando lugar de destaque no ranking mundial.

Situada no Rio de Janeiro, no município de Nova Iguaçu, tem sua fábrica instalada numa área total aproximada de 1 milhão de metros quadrados vizinha da reserva biológica do Tinguá com 26 mil hectares, que é a maior reserva de Mata Atlântica do Estado do Rio de Janeiro. A Condor adota como política permanente a proteção da natureza, destinando 70% da sua área total para a preservação da floresta nativa, dos mananciais hídricos, da flora e da fauna, tornando o ambiente da fábrica uma ilha ecológica, em perfeita sintonia com o conceito “Não-Letal” de respeito à vida e à cidadania.

Desde 1985, a empresa já desenvolveu e homologou mais de 100 produtos com grande aplicabilidade pelas Forças Armadas e pelas Forças de Paz das Nações Unidas em operações que requerem defesa passiva como solução.

As munições não-letais têm também o seu uso consagrado pelas Forças Policiais no Controle de Distúrbios, em Operações Especiais, no Controle de Rebeliões e modernamente no Policiamento Ostensivo e Proteção ao Patrimônio, atestando a importância e eficácia dos Equipamentos não-letais.

No curso de sua existência, a empresa acumulou experiência comercial no Brasil e no exterior, equipando Forças da Lei de diversos países e consolidando de forma definitiva seus produtos e a marca Condor.

A empresa promove parcerias com fabricantes internacionais, detentores de reconhecida capacitação no ramo de defesa, para o desenvolvimento de novas tecnologias não-letais.

Pioneira também na disseminação do conceito “Não-Letal” no Brasil, seus produtos têm servido como instrumento eficaz das autoridades constituídas para promoverem o cumprimento da Lei e a manutenção da Ordem Pública, através do uso escalonado da força, sem ferir os Direitos Humanos.

Todos os produtos fabricados pela Condor são comercializados com exclusividade pela Welser-Itage Participações e Comércio S.A.

Valores

Acreditamos que a ética, a responsabilidade social, o respeito ao meio ambiente e aos direitos humanos são a garantia da nossa credibilidade.

Visão

Ser líder mundial em soluções não-letais nos segmentos de segurança e defesa, primando pela inovação tecnológica.

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>