Contato

Para contribuir com traduções, edições-correções e/ou materiais originais para publicação tais como atualizações a partir das ruas, reportagens de ações, comunicados de reivindicação, textos dxs companheirxs presxs ou perseguidxs, chamadas, brochuras, artigos de opinião, etc.: contrainfo(at)espiv.net

Cidade do México: Solidariedade explosiva com a greve da Coordenadora Informal de Presos em Resistência

Comunicado recebido a 27 de Julho:

Ao fim de 30 dias de greve de fome da Coordenadora Informal de Presos em Resistência

Saudamos com fogo a iniciativa de luta dos companheiros da Coordenadora Informal de Presos em Resistência, levando já os compas 30 dias em greve de fome, o que nos demonstra que, no interior da prisão, continua o combate frontal contra o estado-capital, só que com outra forma.

Ontem, domingo, 26 de Julho,  foi detonado um pacote explosivo na sucursal do Banamex da Av. Revolucion, entre Mixcoac e Barranca del muerto, esta ação reivindica a luta dos nossos companheiros. A crítica prática do capitalismo como um todo adquire assim diversas formas  que vão desde a luta dentro da prisão, a sabotagem difusa, as barricadas montadas pelos compas, nas diversas regiões do território controlado pelo estado mexicano, para defender a terra e a própria vida às múltiplas expressões que o associativismo proletário adquire, as lutas nas ruas, a solidariedade e a luta em todas as suas formas.

Enviamos-lhes um forte abraço de combate, aos compas Julian Barron lopez, Jose Santiago Hernandez e Fernando Barcenas. Recordamos também o compa Luis Fernando Sotelo, as ações de solidariedade terão que continuar em todas as frentes.

Até à destruição total das prisões!

Pela apropriação da vida humana!

Guerra ao estado-capital!

Prole
27/07/15

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>