Contato

Para contribuir com traduções, edições-correções e/ou materiais originais para publicação tais como atualizações a partir das ruas, reportagens de ações, comunicados de reivindicação, textos dxs companheirxs presxs ou perseguidxs, chamadas, brochuras, artigos de opinião, etc.: contrainfo(at)espiv.net

Turquia: Comunicado da DAF sobre o ataque de dia 10 de Outubro de 2015, em Ancara

certain_days_political_prisonerNão pode ser esquecido, não pode ser perdoado

Hoje, dia 10 de Outubro, o “Encontro do Trabalho, Democracia e Paz”, organizado por vários sindicatos, associações e organizações foi atacado. Como em Junho, em Amed,  e em Julho, em Suruc, as bombas explodiram hoje, em Ancara, matando já dezenas de pessoas.

Milhares de pessoas, vindas de muitas cidades de pontos geográficos diferentes, reuniram-se contra a política de guerra, contra o lucro da guerra de diferentes grupos de poder. Hoje, as bombas que explodiram assassinaram as pessoas que queriam paz, vida e liberdade contra a guerra.

Esta explosão em que, até agora, mais de 30 pessoas perderam as suas vidas [estima-se que mais de 100 pessoas foram mortas] é um reflexo da ganância e sede de sangue dos poderes. Os que assassinaram em Amed, em Pirsus, em Cizir, estão agora a tentar intimidar as populações – frustradas com a política de guerra – e desencorajar com isso a sua luta pela liberdade, assassinando dezenas de pessoas em Ancara.

Os poderes devem saber que seja qual for o meio que empreguem, detenção ou assassinato à bomba, não teremos medo desses poderes ou que não nos submeterão às suas políticas de guerra.

Por um mundo novo, uma vida de liberdade, xs assassinadxs em Amed, Pirsus, Cizir e Ancara, NÃO SERÃO ESQUECIDXS, os assassinos NÃO SERÃO PERDOADOS.

Acção Revolucionária Anarquista (DAF)

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>