Espanha: Ataque incendiário contra carro de segurança privada em Madrid

Na madrugada da passada 2ª feira, 27 de Março, um carro da Securitas Direct  morreu entre chamas, na zona da Cidade Universitária, em Madrid. Cinco litros de gasolina foram mais que suficientes para acabar com a sua vida. Após isto, só esperamos que o nosso calor chegue às companheiras sequestradas nas prisões do Estado Alemão – enchendo-as de força – e que muitos outros carros das forças repressivas, públicas ou privadas, tenham este mesmo destino.

Desprezamos tanto esta realidade como todas aquelas estruturas e pessoas que a protegem e queremos que isto só  seja um pequeno aquecimento e um aviso, um entre tantos outros que já sucederam e sucederão, para a Cimeira do G20 que se celebrará em Hamburgo, neste verão.

Morte ao estado e viva a anarquia.

Célula incendiária pelo colapso

em grego