Atenas: Segundo comunicado da Assembleia de Ocupação da Politécnica – 2/12

2.12.2014-exarchia

Hoje, 2 de Dezembro de 2014, realizou-se uma marcha em solidariedade com o companheiro anarquista Nikos Romanos, em greve de fome desde 10 de Novembro, para que seja cumprida a sua exigência de concessão de saídas educativas da prisão. A marcha foi formada por milhares de pessoas e parte desta dirigiu-se à Escola Politécnica Ocupada.

Para nós, o terreno ocupado da Politécnica não tem qualquer valor em si mesmo, mas é uma peça mais no mosaico de dignidade e resistência contra todxs xs que querem uma sociedade-cemitério. É um ponto de resistência ao totalitarismo contemporâneo que se expande sobre as nossas vidas, desde os anarquistas em greve de fome e das prisões de alta segurança, até axs refugiadxs da Síria, em greve de fome na praça de Sintagma, e a todxs xs que lutam em todo o mundo pela dignidade e pela liberdade.

Convocamos todas as pessoas em luta a que tomem todas as iniciativas necessárias pela vitória do grevista de fome Nikos Romanos. Das ocupações de faculdades, até ao bloqueio da produção. Da rotura do silêncio mediático imposto, até aos ataques aos guardiões da ordem.

Posicionemo-nos à altura dos tempos em que vivemos contra a repressão estatal, contra as lógicas que nos querem espectadores e votantes passivos. Solidariedade inegociável com Nikos Romanos, em greve de fome desde 10/11 e com os compas presos em greve solidária, Yannis Michailidis (desde 17/11), e Andreas-Dimitris Bourzoukos e Dimitris Politis (ambos, desde 1/12).

Libertação imediata dxs detidxs dos confrontos de 2 de Dezembro
Ocupação até à vitória da luta de Nikos Romanos

Assembleia de Ocupação da Politécnica
Atenas, 2/12/2014